Latest News

The Enfield Haunting, a história de uma assombração


Um fenômeno sobrenatural inexplicável fez uma pequena casa em Enfield, Londres, ganhar as manchetes de jornais de todo o mundo em 1977. Ele se tornaria o evento paranormal mais bem documentado já registrado no Reino Unido, com fotos e dezenas de testemunhos de uma história aterradora que, agora, virou minissérie.

Em três episódios, The Enfield Haunting (A Assombração de Enfield) é baseada no que foi documentado pelo jornalista Guy Lyon Playfair (interpretado por Matthew Macfadyen, do filme Orgulho e Preconceito) em seu livro Esta Casa é Assombrada. Foram acontecimentos bizarros centrados na família Hodgson e no investigador paranormal Maurice Grosse (Timothy Spall), membro da Sociedade para a Pesquisa Psíquica britânica.


Tudo iniciou quando Peggy Hodgson (Rosie Cavaliero) e seus quatro filhos começaram a acordar no meio da noite por causa de sons de batidas e móveis que se moviam por vontade própria. Como ninguém foi capaz de explicar esses estranhos acontecimentos, a família chamou a polícia. Um dos oficiais se tornou a primeira pessoa fora da família a testemunhar o que estava acontecendo.

Em seu relatório, ele confirmou os eventos: "O filho mais velho apontou para uma cadeira ao lado do sofá. Então eu a vi deslizar pelo chão",  escreveu o policial. "Ela andou um pouco e, em seguida, parou. Eu chequei a cadeira, mas não conseguiu encontrar nada para explicar como ela se movia."

Logo, repórteres começaram a ter interesse pelo caso. O Daily Mirror capturou fotos de Janet Hodgson (interpretada por Eleanor Worthington-Cox), de 11 anos de idade, sendo levantada no ar por supostas forças invisíveis. Mas os investigadores mais dedicados foram os dois membros da Sociedade de Pesquisas Psíquicas Grosse e Playfair. Juntos, eles testemunharam eventos que incluíram objetos voando pela sala, tornando-se quentes ao toque e sendo arremessados no chão de forma não natural. Veja o trailer:


Com o tempo, os fenômenos ficaram mais obscuros e perigosos. "Muitos objetos se materializavam no ar, colheres eram dobrados e incêndios eclodiam espontaneamente na casa da família. Eles tiveram que de suportar praticamente todos os fenômenos conhecidos de um caso de poltergeist", disse Grosse na época.

O caso ficou mais assustador quando o poltergeist aparentemente tomou controle sobre uma das crianças e começou a se comunicar através dela - aparentemente falando com a voz de um homem idoso. Ele alegou ser um ex-residente da casa, cego e abandonado no momento da morte.


O incidente, no entanto, não convenceu a todos. Um grupo de céticos, que incluía mágicos profissionais, disse que os investigadores paranormais foram muito crédulos, e apontaram vários indícios de fraude. Um deles é a seqüência de fotos supostamente apresentando Janet "levitando" no meio do ar, que na verdade a mostraria pulando em cima da cama, como se fosse um trampolim.

O thriller The Enfield Haunting, que foi ao ar no Reino Unido pela TV paga Sky Living e na América pela A&E, dramatiza esse suposto caso de Poltergeist incluindo a extensa documentação produzida na época sobre a atividade paranormal mais conhecida da história recente britânica. A direção é de Kristoffer Nyholm, o mesmo da série dinamarquesa The Killing.

Imagens: Sky Living
Postar um comentário

Charmed Séries News Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.