Latest News

Supergirl estreia no Brasil e fala de "poder feminino"


Uma das séries mais aguardadas do ano, Supergirl estreia no Brasil no canal pago Warner dia 4 de novembro às 22h30, com legendas em português e áudio original. A história da prima do Super-Homem chega por aqui nove dias depois que nos Estados Unidos, mas para os fãs mais ferrenhos o piloto não traz muitas novidades, já que vazou na internet em maio.

Kara Zor-El (Melissa Benoist) é a versão feminina do primo, com um uniforme e poderes parecidos e a mesma profissão. Como o integrante mais famoso da família, ela também foi enviada para a Terra para escapar da destruição de Krypton. Só que atrás dela vieram alguns vilões alienígenas como Vortax que, equipado com um machado de poderes mortais, aparece para que possamos ver a moça usando seus poderes.

Os personagens são um tanto caricatos: a mocinha de óculos e de jeito atrapalhado que trabalha para uma patroa peruona (Cat Grant, interpretada por Calista Flockhart) numa deslumbrante e moderna empresa de mídia. Ainda assim, é bem legal o trailer:


A fofice da heroína de Melissa Benoist não é forçada, e isso é bom. Supergirl também tem cenas de ação bacaninhas, com acrobacias aéreas e muita porrada nos malfeitores. É diversão sem muita pretensão.

Nesses tempos em que discutir o empoderamento da mulher está em alta em Hollywood, Supergirl pretende ser "uma verdadeira celebração do poder feminino", como disse Calista Flockhart para a revista People. "Acho que é realmente importante para as jovens terem um modelo positivo para seguir."


Para a atriz até mesmo a personagem dela, a egocêntrica chefona Cat Grant, tem algo positivo a passar. "A parte emocionante sobre interpretar Cat é que realmente não há limites. Ela está lá fora. É orgulhosa e inflexível", disse Flockhart. "Ela conquistou a posição em que está em sua vida. Ela pode ser desagradável às vezes, mas não quero fazer as pessoas não gostarem dela".

Para Dominic Patten, do site Deadline, o público "deve checar essa série forte e inteligente que, finalmente, coloca uma mulher na liderança na recente era de super-heróis". O cronista também elogiou a atriz principal: "Benoist é capaz de equilibrar furtivamente todas as inseguranças, ambições e a maravilha de ser uma garota de 24 anos dando um passo à frente para se tornar a heroína que ela estava destinada a ser".


Imagens: CBS
Postar um comentário

Charmed Séries News Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Imagens de tema por Jason Morrow. Tecnologia do Blogger.